Destaques

Porto dos Amantes

[Veja os livros já publicados pelo autor »]

Galeria

[Veja a galeria de fotos »]

Asas, pra que te quero?

Paulo Caldas é um poeta. A prova disso é, não apenas sua palavra, mas também sua escolha ao escrever para os pequenos. Nada mais difícil. É preciso primeiro trazer à tona a própria infância, e em seguida traduzir em palavras simples as emoções e os sentimentos de que ela era plena.

Laura Constância Austregésilo de Atahyde Sandroni - assessora especial da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ)

Em “Asas, pra que te quero?”, Paulo Caldas demonstra em mais uma de suas incursões pela literatura infanto-juvenil, um estilo aliado a um notável poder de observação, mesmo quando penetra no mundo alado dos pássaros. Do texto irrompe magicamente a linguagem desses pequenos seres, para quem a liberdade parece se constituir na única atmosfera da sua existência.

Ângelo Monteiro - Poeta